Não existe amor
"o dia mente a cor da noite, e o diamante a cor dos olhos, os olhos mentem dia e noite a dor da gente"
THEME
Gostaria que você sempre se lembrasse de que ser feliz não é ter um céu sem tempestades, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem decepções. Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros. Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza. Não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.”
Augusto Cury (via autorias)
Tanto fez,
Como tanto faz.
Algumas pessoas só nos confirmam,
O que se deve deixar para trás.”
Marcos Filipe. (via 10reais)
Veja bem quantas fichas a vida lhe deu, aposte, mas pense em quem apostar, atitudes impensadas, amores roubados, corações partidos… Pleno rumo de “Quem dá mais?” Um caminho incerto, um leilão de tristezas, quem valoriza quem? Quem sabe o que vai ser melhor senão você mesmo? O que vai mudar senão as horas nesse relógio em que tanto admira? Segue teu rumo, segue tua vida, segue em frente, enfrente.”
Fernanda Medeiros. (via autorias)
É que tem momentos que não estou preparada pra ouvir certas coisas ou disposta pra lidar com certos problemas. Mas ainda assim estou aqui, não é? Fingindo estar pronta pra qualquer bomba que for jogada em meu peito mesmo sem saber como desarmá-la.”
Fernanda Medeiros. (via autorias)
Ninguém ligou, ninguém vai ligar. O visor do telefone não acusa uma mensagem perdida. E-mail, sinal de fumaça, uma chamada não-atendida. A tela da tv não parece uma saída. Eu vivo um refrão antigo, feito às pressas, plágio de uma bela melodia. Eu vivo um sonho toda noite, eu vivo a noite todo dia. O que eu não pude prever, o que eu não queria. E quando eu ver tv, vou ter sempre uma chance de lembrar.”
Esteban.  (via acrescentada)
Porque o que quero quase ninguém tem para me oferecer: amor. O que seria melhor agora, se não, uma palavra amiga e um ombro para servir como uma única ponte entre meus olhos, as lágrimas e a pele. Não importa de quem seja, o amor quando acontece é maravilhoso.”
Os porquês de Amélia Roswell. (via animicida)
Já me acostumei com a tua voz, com teu rosto e teu olhar me partiram em dois e procuro agora o que é minha metade. Quando não estás aqui sinto falta de mim mesmo, e sinto falta do meu corpo junto ao teu. Meu coração é tão tosco e tão pobre não sabe ainda os caminhos do mundo. Quando não estás aqui tenho medo de mim mesmo, e sinto falta do teu corpo junto ao meu. Vem depressa pra mim que eu não sei esperar já fizemos promessas demais, e já me acostumei com a tua voz quando estou contigo estou em paz. Quando não estás aqui meu espírito se perde, voa longe.”
Legião urbana. (via animicida)

animicida:

não sou suficiente para ninguém

Cara, eu só queria te ver mostrando que precisa de mim, vez que outra. Que me amasse com ênfase nas vezes que não mereci ser amada. Porque, entre me sentir inútil só pra você e me sentir inútil pro resto do mundo, optei pela diversidade. Ok, não vou mentir, tenho sentimentos de estimação por você. Mas estou deixando de alimentá-los. Um dia eles morrem.”
Gabito Nunes. (via acrescentada)
Que eu possa também abrir espaço pra cultivar a todo instante as sementes do bem e da felicidade de quem não importa quem seja ou do mal que tenha feito para mim. Que a vida me ensine a amar cada vez mais, de um jeito mais leve. Que o respeito comigo mesma seja sempre obedecido com a paz de quem está se encontrando e se conhecendo com um coração maior. Um encontro com a vontade de paz e o desejo de viver.”
Caio Fernando Abreu.  (via acrescentada)
Não? É tudo que preciso pra começar a te conquistar. Diz que não com os olhos cheios de esperança. Com duzentos “nãos” eu construo um castelo, uma roda gigante, uma cabaninha de lençol na sala, um altar, um amor, um sim bem grande. Com um sim entre você e eu, te roubo inteira e metade da felicidade do mundo. Diga que não, ponha uma meta no meu colo, tipo num processo de seleção feminina só pra eu provar que sou o cara.”
Gabito Nunes.   (via acrescentada)
Outro dia, fiquei pensando no mundo sem mim. Há o mundo continuando a fazer o que faz. E eu não estou lá. Muito estranho. Penso no caminhão do lixo passando e levando o lixo e eu não estou lá. Ou o jornal jogado no jardim e eu não estou lá para pegá-lo. Impossível. E, pior, algum tempo depois de estar morto, vou ser verdadeiramente descoberto. E todos aqueles que tinham medo de mim ou que me odiavam enquanto eu estava vivo vão subitamente me aceitar. Minhas palavras vão estar em todos os lugares. Vão se formar clubes e sociedades. Será nojento. Será feito um filme sobre a minha vida. Me farão muito mais corajoso e talentoso do que sou. Muito mais. Será suficiente para fazer os deuses vomitarem. A raça humana exagera tudo: seus heróis, seus inimigos, sua importância.”
Charles Bukowski.  (via autorias)
Eu sempre pareci boa demais para lidar com os problemas dos outros. A melhor pessoa para poder dar os melhores conselhos. E por causa disso nunca mostrei o meu ponto fraco. E eu garanto, não foi por falta de oportunidade. Eu sempre fui muito verdadeira com o que eu sentia, e talvez por causa disso, as pessoas só olhavam para o que interessasse e isso não incluía os meus problemas, muito menos os meus defeitos. Ninguém reparava porque nunca me olharam com os olhos da verdade. Nunca repararam que eu também sofria e que por isso muitas vezes me calava. Me calava porque descobri que o silêncio era o meu melhor ouvinte e que não existia ninguém no mundo para me fazer mudar de ideia. Eu conversava com meninas 10 anos mais novas que eu. Olho pro meu passado quando me via chorando por não ter ninguém para me entender ou até mesmo para me ouvir e percebo que nossas vidas não são tão diferentes, e que nem mesmo depois de tantos anos as coisas haviam mudado no mundo, principalmente no meu mundo. Digo palavras de conforto esperando que sirvam de ajuda quando na verdade no fundo no fundo, não funcionaria nada vindo de uma pessoa que diz que é para procurar ser feliz quando nem ela mesma sabe o caminho. Eu me sentia no dever de ajudar nos piores momentos da vida de cada um, porque eu sei o quanto é doloroso não ter um lugar para ancorar nos tempos de tempestade. O problema é que eles me viam como a única pessoa que poderia salva-los. Mas na verdade, eles não perceberam que eu já estava afundando há muito tempo.”
Restos de um naufrágio.  (via autorias)
O momento em que você percebe que o outro não te quer é mágico. A gente acorda, se sente nova, se sente livre. É claro que não se afoga um sentimento do dia para a noite. Mas a gente tenta preencher aqueles espaços com coisas novas: músicas diferentes, bons livros, trabalho, amigos, decoração da casa, um animal de estimação. Tudo serve para animar, renovar, encher a casa, a vida e preencher o tempo, costurar e remendar nossas feridas. É claro que vai doer, é claro que você vai sentir, é claro que o sentimento ainda vai latejar por um tempo. Mas a gente supera a partir do momento em que decide o que merece.”
Clarissa Corrêa.  (via acrescentada)
Me dê flores, não dores.”
Felipe Bueno.   (via garotaesuasfases)